Uma proposta de agenda semanal

Things to Do.

Nossas preocupações com a vida e com o mundo são constantes e não respeitam muito a temporalidade dos calendários. Mas, em todo o planeta, vigora uma certa unanimidade quanto às ideias de hora, dia e semana. Seja aqui, em Paris, ou em Singapura, sempre tem uma espécie de domingo e uma semana nova para começar. Até o mercado sabe disso. Uns dizem que é porque deus descansou no sétimo dia da criação, outros porque é a vigência de cada lua.

Seja como for, segunda-feira é sempre segunda-feira e depois vem o dia de Marte, o de Mercúrio… e assim vai até o próximo fim de semana. Supondo que haja alguma sabedoria humana nessa nossa organização temporal da espécie, acho que vale a pena pensar melhor no que fazemos em cada uma de nossas semanas.

É claro que a maior parte dela será tomada pelo trabalho e pela necessidade de ganhar dinheiro. Uma outra parte grande será do sono e da reposição de energia. Mas uma proposta de agenda pessoal para a semana deveria incluir outras coisas fundamentais. A ordem em que aparecem não importa muito agora para efeito de reflexão.

Terça e quinta, estuda um pouco. Seja para a faculdade, para o Inglês, ou para a sua vocação. Quando não agendamos isso em cada semana, comprometamos a nossa formação no longo prazo.

Uma hora por dia, procura se exercitar fisicamente. Não precisa ser exatamente todo dia, mas se for, é melhor. O corpo fortalece, aumenta a nossa disposição e a gente gasta menos com médico e remédio.

Usa uma quarta à noite para dar um tapa na vaidade pessoal. Faz depilação, corta o cabelo, ou compra um sapato novo. Se a gente não faz, fica sempre achando que precisa fazer.

Reserva um ou dois horários para almoçar, tomar café, ou uma cerveja com amigos queridos. Não precisa ser balada.

Casado, namorando, ou querendo namorar, mesmo que seja no Grupon, ou com taças de 1,99, trata de construir um evento semanal com a pessoa eleita. É uma coisa que ajuda a confirmar, ou a perceber que não.

Se não der nessa semana, agenda para as próximas uma visita familiar significativa e procure desfrutá-la. Lembre que nossos avós costumam partir antes das nossas vidas.

Cultiva a tua sensibilidade com mais disciplina. Algumas horas na semana para apreciar a música, as letras, o teatro, as crianças, os bichos, ou as plantas.

Inclua na sua agenda o analista, a meditação, ou um tempo para saber de si.

Guarda um espaçozinho para cuidar do lugar em que você mora. Pendurar um quadro, mudar um móvel, organizar as roupas ou os livros.

Militância política e participação social exigem postura, mas também exigem presença e reunião. Alinha tua agenda semanal com a de outros camaradas.

Aprende a fazer com as tuas mãos alguma coisa bacana, seja origami, panqueca ou móveis com madeira de demolição. Existem vários tutorias de 20 minutos.

Quando a gente não consegue colocar essas coisas na nossa agenda semanal, acaba ficando tudo para o fim de semana, daí é muita coisa. Chega o domingo à noite, estamos cansados e meio frustrados, mesmo que tenha sido tudo bom. E bate aquela angústia com a semana que vai começar de novo.

De segunda à sexta, temos 120 horas. Tirando 50 de trabalho e 40 de sono, sobram 30. Dá para fazer muita coisa com isso, é questão de organizar e de vencer a preguiça. Séries até podem ser legais, FB nem tanto e televisão é veneno. Não é recomendável que elas fiquem com quase todas as 30 horas preciosas que temos em cada semana.

2 comentários

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s